segunda-feira, 2 de novembro de 2015

Retalhos


Marcas, cicatrizes...
Os teus retalhos
Pedaços frios e falhos,
matrizes de uma dor...

Cascalhos cinzas,
cheios de passado...
Cheios de acabado,
em sombra que restou...

George Arribas